Italínea Class Móveis concorre ao Prêmio Nacional de Inovação 2018/2019

Empresa aposta na mobilidade para apresentar móveis sob medida e ambientes planejados

Classificado como uma das principais distinções do gênero, o Prêmio Nacional de Inovação reconhece os esforços de inovação e gestão da inovação desempenhados por pequenos, médios e grandes negócios. Através de um projeto funcional cheio de dinamismo, a Italínea Class Móveis disputa a oitava edição da honraria, promovida pela Confederação Nacional da Indústria (CNI), em parceria do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae).

Em junho de 2018, o grupo porto-alegrense resolve desafiar a si mesmo estreando uma terceira loja autônoma distinta dos demais endereços da marca. Fixada no interior de um caminhão de cargas, a Loja Móvel surge da vontade de facilitar a vida do consumidor, combinada do oferecimento de uma experiência realmente única. “A ideia é levar a marca até o cliente. Dentro do trajeto diário dele”, esclarece o diretor da empresa, Lucas Corrêa.

A instalação assinada pelo arquiteto Carlos Lemos, em um espaço linear de apenas 23m², conta com ambientes planejados que incluem um dormitório de solteiro, um home theater, duas cozinhas e dois atendimentos. Longe de ser considerada uma simples extensão dos negócios da empresa, o estabelecimento dispõe de área comercial, departamento financeiro e funcionamento operacional próprios.

Conforme a principal responsável pelo acompanhamento e pela orientação das atividades da corporação, Alessandra Schinaider, a loja cumpre uma importante função social ao ocupar diferentes pontos geográficos da cidade. Para a Agente Local de Inovação (ALI) do Sebrae RS, o projeto faz a economia girar, engajando públicos diversos, frequentadores de comércios posicionados estrategicamente em ruas movimentadas da capital gaúcha.

A especialista destaca a postura flexível da empresa diante das primeiras etapas de seleção do prêmio. Para ela, aquilo que poderia ser uma iniciativa limitada ao formato é um método eficiente para a captação de novos clientes. “Percebo uma tolerância com a mudança de mentalidade, por parte da empresa, impressionante. Eles se adaptam muito bem”, assegura.

O começo de tudo
O desenvolvimento de um novo modelo de negócio tem início em uma reunião periódica entre lojistas da fábrica Italínea, a maior rede de móveis planejados da América Latina. Lucas Corrêa garante que o atendimento praticado sob quatro rodas é exatamente igual àquele ofertado nos espaços fixos do grupo. Uma equipe de arquitetos visita a casa do interessado e reproduz o projeto visualizado na loja. A contratação do serviço também acontece com as mesmas condições de pagamento. “É uma loja realmente completa. Só que em movimento”, descreve.